Consumo Humano

Além de temperar a comida, o Sal Marinho é um bem essencial ao nosso organismo. Está provado cientificamente, que o ser humano não pode viver sem sal, o cloreto de sódio é fundamental para a manutenção do metabolismo e para o sistema imunológico. A perda de minerais importantes ao funcionamento do organismo, devido ao nosso ritmo ativo ao longo do dia, causa um grande desgaste físico. O sal é facilmente absorvido pelo organismo, pelo seu equilíbrio existente na água do mar relativa aos seres vivos.

A seguir descrevemos alguns minerais essenciais ao bom funcionamento do organismo humano:

Os sais minerais Os sais minerais:
A água do mar contém, em dissolução, certa quantidade de sais, cujas concentrações estão dependentes de vários fatores, tais como solubilidade, presença ou ausência de outros sais, temperatura, pH, etc.
Um dos sais mais abundantes é o cloreto de sódio, por neles existirem outros sais em dissolução na água, importantes e indispensáveis para um bom funcionamento do corpo humano.


Sódio Sódio:
Tem um papel importante em diversas funções do organismo, a começar pelo equilíbrio entre os fluidos celulares e extracelulares. Ativa a transmissão de impulsos nervosos por todo o corpo, e permite o funcionamento do cérebro e o controlo das funções vitais do organismo.


Cloro Cloro:
Fundamental para uma boa saúde e para o processo digestivo. No estômago, ele é a base para o suco gástrico, que ajuda a digerir os alimentos. O cloro eleva a capacidade do sangue de levar gás carbônico das células para os pulmões.


Potássio Potássio
Elemento metálico, semelhante ao sódio. No organismo a vida depende do correto equilíbrio entre a alta concentração de potássio ao interior das células e a alta concentração de sódio nos líquidos intercelulares.
Os impulsos nervosos são transmitidos por correntes elétricas associadas a momentâneas trocas de sódio e potássio. Um pequeno excesso de ou déficit de potássio perturba a ação do coração, e variações maiores são suficientes para fazê-lo parar.
Quando há perdas de líquido do organismo; por exemplo, nas diarreias e nas queimaduras, ou quando o equilíbrio entre os ingressos e as perdas de potássio é alterado por certas drogas, a taxa correta de potássio pode necessitar de ser mantida artificialmente. A maior parte das frutas fornece um bom suprimento de potássio, mas algumas vezes os sais de potássio têm de ser dado como medicamento.


Magnésio Magnésio
Um adulto ingere em média cerca de 0,3 g de íons de magnésio por dia. O magnésio é importante nos líquidos orgânicos, sendo essencial no sistema nervoso.


Cálcio Cálcio:
O cálcio é um elemento essencial na matéria viva. É componente maioritário dos ossos e dos dentes. O cálcio desempenha um papel vital na atividade cardíaca, coagulação sanguínea, na concentração muscular e na transmissão nervosa.


Iodo Iodo:
É um mineral que em quantidade pequena é necessário à saúde, por ser um componente da hormona tireóidea.